Apresenta O De La Fotograf A Newborn

O que dá pra fazer com demônios da garoa

A falta da coordenação da importação de exportação para o CEI gerou um problema sério da reexportação de mercadorias agora aos países terceiros por causa dos quais todos os países de CEI incorrem perdas. É sobre a assim chamada reexportação não autorizada. Para fins da sua prevenção na criação de CEI do sistema de informar parceiros no movimento das mercadorias que são sujeitas à tarifa que autoriza supõe-se. Em caso da reexportação de mercadorias ao pagamento de país terceiro da receita de moeda de 50 por cento ao país da origem de mercadorias pode ser a decisão possível.

Em segundo lugar: é necessário executar a diversificação da capital em grandes associações industriais e nas empresas, convertê-los em sistemas econômicos complexos que exceto o principal (perfil) produto, se fará pela variedade de mercadorias diretamente no mercado de consumidor.

Em quarto lugar: o estado cria todas as condições da liberalização das relações de mercado e os preços, de desenvolvimento do comércio e oportunidades de uma modulação livre não mercadorias só finais, mas também investimentos, recursos de trabalho e materiais, que é a capital cumulativa, àquelas esferas, onde a maior deficiência e a taxa de lucro mais alta.

Trate objetivos principais da união econômica: a formação de condições do desenvolvimento estável de economias dos partidos, criação de etapa por etapa do Espaço Econômico Comum com base nas relações de mercado, criação de oportunidades iguais e garantias de todos os sujeitos econômicos, junta implementação de projetos econômicos, soluções de várias tarefas sociais e econômicas.

Em primeiro lugar: é necessário acelerar a conversão de ramos defensivos, a sua reorientação à criação de tecnologias modernas do re-equipamento da produção abaixo de interrogações de consumidores internos e externos, e também no lançamento direto de mercadorias, sobretudo quando é tecnologicamente possível sem modernização intensiva de capital radical.

Para que FTA do CEI entrasse em vigor, cooperação destes países em harmonização, simplificação de procedimentos do comércio, e na etapa posterior - e unificação de procedimentos alfandegários, formalidades de controle alfandegário e documentação, e também o cancelamento gradual de alguns elementos chamados no comércio mútuo dos países de CEI dentro de FTA se representa muito essencial. O caminho mais racional nesta relação - para seguir a prática internacional e seguir as regras padrão e provisões que contêm em várias convenções internacionais e acordos.

Oferece-se isto o sistema de um doln para funcionar como se segue. As empresas recebem a moeda difícil das mercadorias que se tiram fora de bordas do CEI e moeda do importador no comércio interrepublicano. Assim, os exportadores vão se compelir a trocar a moeda difícil que está disponível para eles para o habitante local. Os importadores devem pagar na moeda difícil por mercadorias dos países que não entram no CEI, e com esta finalidade têm de ter oportunidade de trocar a moeda local na firma, mas pagarão assim o dinheiro local por mercadorias de outros países de CEI.